04 maio 2006


"Eis que morro Drumond do morro"

O Centro de Apoio à Criança e Adolescente,tem uma Cia de Espetáculos que esse ano, ganhou o nome de Gotas Líricas. Gotas, até porque são bem pequenos. Temos tres espetáculos, na realidade, já montados: recital da Cecilia Meirelles, Canta patativa e Bolas e estrelas. Os tres, montados e apresentados ano passado.
Esse ano, mais precisamente no dia 12 de junho, às 19:00 hrs, acontecerá no Teatro Municipal o espetáculo "Eis que morro Drumond do morro". Mega espetáculo falando de Carlos Drumond de Andrade.
Nossas crianças fazem parte do programa PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) que é federal e que tem como objetivo tirar das ruas, do trabalho infantil, crianças na faixa etária dos 7 aos 14 anos e onze meses.Então, participam de diversas atividades nesse Centro de Apoio, que fica à Rua Ciro dos Anjos, 80- Vila Osasco, Osasco-sp ,com o intuito de realmente exercer a cidadania de fato.
Usando como ferramenta para a inclusão social, a cultura,as atividades se embasam em alguns projetos tais como: Arte com Sucata, Pintando o Sete, Arte aos Pedaços, Intervenção Urbana, Educação Ambiental, Brincadeiras populares, Contando uma boa História, Recitarte,num total de oito projetos, em funcionamento desde favereiro de 2005.
Além disso, existem alguns outros recursos: Sala de Inclusão Digital, Sala de estudos de Cultura Afro, Sala de estudos de Cultura Popular Brasileira, Laboratório de Idéias, Sala Labirinto, para exposições artísticas(focando a arte com grafitti),Biblioteca Ferréz.
Ainda, temos um expediente e equipe técnica.
Um outro programa que funciona nesse Centro de Apoio é o Agente Jovem, que atende adolescentes tbém em situação de risco, dos 15 aos 18 anos,sendo que esse programa tbém é federal.
São um total de 160 crianças e adolescentes.

Trabalhar Carlos Drumond de Andrade está sendo um grande aprendizado para todos que o local frequentam. As crianças da Cia tem se dedicado aos estudos, como se fossem realmente profissionais da arte e literatura.
O espetáculo será um contra-ponto entre o estilo Drumond e a vivência periférica. Um jeito inovador de falar Drumond, considerado um Deus na literatura.
É com muita emoção que descrevo um pouquinho dessa vivência nesse espaço, com crianças tão simples e tão grandes!
As palavras não expressam o potencial todo que visualizo no dia a dia.
Carlos Drumond com certeza, estaria totalmente orgulhoso com esse trabalho.


A secretária da Cultura da cidade de Itabira estará presente .
"Eis que morro Drumond do morro" será espetáculo sempre.



Um comentário:

Rosi Ribeiro disse...

Caramba! eu estou muito feliz por fazer parte desse time maravilhoso:CACA.
Tudo de bom essa galera que é totalmente do bem!