14 dezembro 2010

"Evento Importante Na Benedito Calixto, Dia 18 de Dezembro"

Não podemos deixar de ir. Com certeza, vale a pena!

No próximo sábado, dia 18 de dezembro, nosso convidado é o poeta Evandro-Lobão autografando seu primeiro livro de poesias “Fam da Rua”, também haverá leituras de poesias. O cartunista Junior Lopes participa do evento realizando caricaturas do público. Mais informações abaixo. ServiçoO Autor na Praça em tarde de autógrafos e leituras com Evandro-LobãoDia 18 de dezembro, sábado, a partir das 14h. Espaço Plínio Marcos - Tenda na Feira de Artes da Praça Benedito Calixto - Pinheiros.Informações: Edson Lima – 9586 5577 - edsonlima@oautornapraca.com.br Realização: Edson Lima e AAPBC.Apoio: Casa Puebla, AEUSP – Associação dos Educadores da USP, Artver, Max Design, Cantinho Português, TV da PRAÇA, Enlace-media.com e Restaurante Consulado Mineiro. Sobre o livro “Fam da Rua” – "Conheci os escritos de Lobão na mesa de um bar em Pinheiros, meados de 2003. Translúcido, irônico... se o poeta é a pimenta do planeta, Lobão é "Malagueta, Perus e Bacanaços", de João Antônio. Se existe a verdadeira arte da rua, as veias de Lobão são avenidas que cruzam os pensamentos acadêmicos com a pura literatura que está a margem dos meios de comunicação. A ironia desse "muleque" são moléculas que nos fazem rir com uma estaca no peito. Tem o puro e a mistura, Lobão é a mistura pura. Assim como o arame do seu artesanato, ele trança as palavras e joga no balaio do mangueio. Agora vai acender o fogo para abrir a cortina de fumaça que permeia nossos sentidos. Pode ser que isso seja só viagem ou a arte que causa a inconsequência e o inconsequente, Tudo isso é para rimar o Bicho-Lobo com Gente. Texto de apresentação do livro apresentado pelo músico e escritor Erton Moraes do Movimento Trokaoslixo. Edição do Autor/Ciclo Contínuo, 46 págs., R$ 10,00. Lobão nasceu Evandro na cidade de São Paulo, morador do Capão Redondo, escritor de vários fanzines, entre eles: Ato I de Rebeldia, Ato II de Anarquia III de Contracultura e Baseado nas Ruas. Integrande do Movimento Cultural 1daSul, TrokaosLixo e poeta do Cooperifa. Participou do filme “Ferréz – Literatura e resistência” de da antologia infanto-juvenil “Um segredo no Céu da Boca” (Edições Toró). Vencedor de concursos de poesias de Piracicaba, Poá, Ribeirão Preto, Aldeia Velha (RJ) e recebeu o Prêmio Cooperifa de 2006, 2007 e 2008. Co-responsável pelo Prêmio Carrano de Luta Antimanicomial e Direitos Humanos foi organizador do evento “Na favela é outros 500”. Viajou por todos os estados do Brasil e alguns países da América do Sul, expondo e vendendo artesanato. Tem alma Beatnik e escreve para exorcizar algumas brisas mentais. “Lobão é o artesão das palavras de bronzes e arames, transformando poesias em colares, brincos e pulseiras” (Elizandra Souza).

Nenhum comentário: