07 abril 2012

A roda gira
A vontade que dá num dia de sábado logo depois de um feriado, ponto facultativo, é continuar na preguiça, no quarto, na cama.
Nossa, quanta coisa  pra pensar, refletir,  e assim, o dia vai.
Mas o certo mesmo é que não dá pra  ficar na moleza não...que devemos é sacudir a poeira e rumar pra caminhos onde nos levam à inventar, reinventar, criar e  assim, seguirmos com a vida.
O privilégio de estarmos com os olhos abertos e respirando nos faz decidirmos por assim fazermos: caminharmos sempre.

As vezes fico pensando se estou preparada pra simplesmente  não abrir mais os olhos. Penso  e logo me vem a tristeza de não poder mais olhar tanta coisa bela...tanto que já vi e que ainda tenho a ver..Não. Por hora , prefiro acreditar que muitas luas verei, muitos dias virão e as noites serão logo interrompidas pela claridade do sol, que chega gritando de manhã.
Assim me sinto. Querendo continuar sempre. Como numa roda viva. Girando e girando...e a cada volta, ideias novas, inventos mil, num circuito sem fim.
Tenhamos todos um lindo dia de sábado.
Inté mais ver.

Nenhum comentário: