04 abril 2006




Levando na Boa......................



Desde a época em que precisei abrir mão do que se chama casa, familia certinha( como ter a casa montada, com os filhos por perto.....) tento levar a vida na boa! Isso significa dispensar alguns ítens, os quais a gente acaba achando importantíssimos. Isso aconteceu há quase seis anos , quando desempregados( eu e meu marido) decidimos que nossos filhos fossem morar no interior com os avós maternos e junto deles, toda nossa bagagem. Depois disso, optamos por vivermos da catança,função que nos daria retorno imediato. De lá prá cá, tenho vivido de maneira sustentável . Isso tem me dado o conforto ideal de estar em paz comigo mesma,sempre levando em conta que cada um deve viver da maneira que consegue. Minha casa é inteiramente montada com tudo que se tira do "lixo". Com um jeito especial , decoro e coloco prá funcionar peças, objetos , de tal forma que dificilmente as pessoas acreditariam que teriam efeitos. Não dá pra cruzar os braços frente à uma situação inusitada ou constrangedora. O que importa , no triturar dos grãos, é a funcionalidade do que se é proposto. Meu marido, no inicio, achava que minhas idéias eram completamente absurdas e nem queria apostar. Saiu de casa e depois de quase um ano, voltou prá ver se realmente a loucura tinha saido da cabeça e se deparou com a bagunça toda da reforma e as idéias já sendo executadas a todo vapor. Claro , que , então decidiu ajudar ; acabou se auto descobrindo e já no ano seguinte, contava com uma clientela que o procurava para reforma de móveis. Imaginem, nem dava pra acreditar que aquele homem todo certinho, vindo de mais de vinte anos como gerente de transportadora, botava as mãos na lixa, tinta, massa, enfim..... todo cheio de pó e feliz por estar sendo útil. Montamos um ateliê , ministramos muitas oficinas, confeccionamos muitas peças voltadas ao reaproveitamento e hoje, estamos trabalhando com projetos sociais, além de estarmos ainda no ramo de pintura e texturas em paredes e pinturas especiais e reforma de móveis. Significativo é saber, com clareza, que nada no mundo é mais importante que a vida própria de cada um. Viver , prá mim, é ter o discernimento total para driblar, com sabedoria todos os problemas que aparecem. Levar a vida na boa, é acima de tudo, estar em paz consigo mesmo. Rosi Ribeiro.

Nenhum comentário: